terça-feira, outubro 24, 2006

Ok.

Esse título acima é bem tosco mesmo, mas é porque agora são 06:14 da manhã e a minha cabeça não tá legal, sabe?
Estou tensa, revendo minhas prioridades e meus planos atuais, o ano tá acabando e posso dizer que foi um ano 'morno' pra mim, com mais do que esperei e menos do que queria. Mas isso é coisa pra daqui há dois meses.
Veremos.

quinta-feira, agosto 03, 2006

Começo, meio e fim.

Era bom ter controle das coisas, saber o que sente, como se sente e por quem você sente. Mas depois, você sente que falta algo, sente falta de perder o controle.
Sem pensar, você se deixa levar pelo gesto inesperado, a conversa agradavél, o sorriso, o beijo. E quando você percebe, já não a 'garota moderna', você é apenas uma garota sem o controle das coisas.
Um misto de sentimentos, do presente, do passado tomam conta de você. É tudo muito confuso e muito bom. Então, sem mais nem menos, tanto acontece o que você queria que não acontecesse, é lágrima querendo rolar, o aperto no coração.
Agora você não quer mais nada, porque simplesmente é o fim.


[Ouvindo: Beck - Everybody Gotta Learn Sometimes]

quarta-feira, agosto 02, 2006

Cabelos, cabelos, meus.

Até que enfim, acabou essa tortura de escova definitiva, eu não sou muito chegada nessa coisa de salão, mas resolvi fazer a tal da definitiva e gostei do resultado. Achei que ficou diferente, apesar da dor de cabeça e de não tá sentindo o meu couro cabeludo. Tá tudo certo.
E é por essas e por outras, que mulher sofre muito :P

terça-feira, agosto 01, 2006

E antes que eu me esqueça:

Por que os problemas não vão todos passear de uma vez?
Por que eles tem que ficar juntos, ali grudados, feito carrapatos uns nos outros pra formar aquela massa enorme que você parece que nunca vai resolver?
Por que eu nunca aprendo?
Eu sou muito burra mesmo.


P.S.: E isso não faz nenhum sentido.

Tirando a poeira

Fazendo a faxina, tirando as teias de aranha.
Vestindo roupinha nova :)
E no final eu gostei.

....

isso é um teste.

sexta-feira, maio 19, 2006

Imbelicidades da Semana

Pessoa pergunta:
- Você dirige um caminhão, carreagado de frangos, saindo de belém as 08:00h tem que chegar na Bahia no dia seguinte as 18:00h. Qual o nome do motorista?
- Fulano (o nome da pessoa).
- Errado.
- Então qual é a resposta?
- Você.
- ?!
- É. Não existe 123 de Oliveira? Por que não pode existir uma pessoa com o nome de 'Você'?!
- Ahh - Fazendo cara patética e querendo sair correndo dali
- Essa foi eu mesma quem inventou - Ele super entusiasmado falando

Como assim 'Você'? Isso é pior que piada de português mal contada. Agora eu penso, que o mundo deveria ser totalmente expurgado desse tipo de gente imbecil.
É, estou superrrrrrrrrrrrrrrrr sem paciência.

sexta-feira, abril 21, 2006

Sem...

Sem vontade
Sem dinheiro
Sem companhia
Sem sono
Sem paciência


Com a Marina no ouvido:

"Cansei
De ter que ler amor nas entrelinhas
Não sei
Mas vou pensar

Nas lágrimas que me fecham portas
O amor que escreve certo em linhas tortas

Sinos que desdobram
Lirios enjaulados
Num bouquet
Velas que derretem
Igrejas de açucar cantam parabéns (...)"

Marina Lima - Linhas Tortas



domingo, março 19, 2006

A volta do que não foi

O meu relógio biológico tá totalmente desregulado, durmo pouco, tenho preguiça de fazer qualquer coisa e os dias passam e eu acabo não fazendo a maior da parte das coisas que tenho que fazer.
E cá estou eu, as 05:19 da manhã, em frente ao PC, pensando em frivolidades, para recomeçar mais um dia perdido.
Mau-humor Mode ON.